domingo, 6 de dezembro de 2015

Seminario de 5 de dezembro - Preparatório novos alunos

Caros amigos e amigas,

Mais uma vez nos reunimos neste templo sagrado da Numerologia, o sitio da Flora e Gilberto. Fomos recebidos como Sempre com muito carinho e acolhimento, com aquela magia da culinária da Flora, com os chás e águas aromatizadas, os  criativos e deliciosos pratos com a leveza  da cozinha vegetariana. O Gilberto fez uma excelente explanação e debatemos alguns temas importantes. Como sempre, algumas fichas caíram, e todos sairam com uma sensação de "quero fazer parte desta magia".  É impressionante a forma como o Gilberto e sua família nos fazem ver que a magia está em todas as coisas e principalmente nas coisas simples.  Para mim a lição que ficou marcada foi quando o Gilberto estava explicando porque S. Lourenço é uma cidade especial, e como os pensamentos que mantemos afeta nossas vibrações pessoais e do grupo.

Abaixo eu coloco algumas fotos do evento e convido a todos para participar com seus comentários aqui no blog, para que fiquem registradas suas impressões para todos os demais que não puderam participar.







































quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Seminário de 3 de Outubro

Mais uma vez estamos nos preparando para nos reunir neste Templo da Numerologia que é São Lourenço, no espaço magico dos Mestres. Neste 3 de outubro, alguns aprendizes se encontrarão com o Mestre para juntos estudar, refletir e buscar inspiração para suas caminhadas. Já confirmaram presença a Sílvia, Márcia, Lisana e Marcelino, Flavia, Tatiana e Nair.


sábado, 8 de agosto de 2015

A historia de um chefe

Um Chefe teve um Impulso Criativo e chamou seus colaboradores diretos para realizar um projeto. A sra sensíbela, o Sr.Criare o Sr. Pedrosa.

Ele explicou tudo em poucas palavras, determinou quem iria fazer o que, qual o prazo que eles teriam e como deveriam entregar.

Enquanto o chefe falava, Sensibela manifestava um ar de preocupação. Já o sr. Criare se perdia nos seus pensamentos,  imaginado como seria o projeto, que tipo de imagens usaria, os acabamentos, cores e materiais, Pensou numa campanha de marqueting para divulgar o projeto internamente, a até organizar uma festa de inauguração.

Por sua vez o Sr. Pedrosa pegou um caderno e começou a anotar todos os detalhes, pontuando os itens mais importantes, fez alguns desenhos e algumas contas e fez varias perguntas para assegurar que estava tudo de acordo.

O chefe percebendo a preocupação da Sra. Sensibela, perguntou-lhe se tinha alguma dúvida. Então ela falou com certa timidez:  Será que vai dar certo mesmo, tenho minhas duvidas se esta é a melhor forma. Fico preocupada se as pessoas vão gostar destas novas medidas, será que não seria melhor fazer uma consulta ao pessoal? O que vocês acham, Criare e Pedrosa? Podíamos nos reunir mais tarde para analisarmos melhor e fazer algumas propostas...

Então o chefe diz com voz firme que nada será modificado e determina que sejam formadas equipes e o trabalho iniciado imediatamente.

A Sra. Sensibela  se junta com o Sr. Criare,  mas  o trabalho não rende devido a muita brincadeira e mudanças constantes.  Então ela procura o Sr. Pedrosa para trabalharem juntos, mas eles acabam se apaixonando um pelo outro e depois de algumas brigas se separam.

Então o Sr. Criare procura o Sr. Pedrosa e o trabalho finalmente começa a funcionar. As ideias brilhantes do Sr. Criare ganham forma nas mãos do Sr. Pedrosa que não deixa que o outro tire os pés do chão.

Ao Ver o trabalho o chefe acha bom, mas fica irritado porque eles descartaram muitos materiais que consideravam de qualidade inferior.  O chefe diz então que tudo deve ser aproveitado para que se obtenha a máxima eficiência pelo menor custo.
Então o chefe decide que todos devem trabalhar juntos. O Sr. Criare cuidando da Arte e criação, a Sra  Sensibela cuidando dos acabamentos para agradar as pessoas e o Sr. Pedrosa cuidando dos detalhes práticos e dos materiais a serem empregados, das contas, dos pagamentos e mantendo a ordem no projeto.

Enfim, o projeto ficou concluído e agradou a todos.

O Chefe volta para sua Sala e recebe uma comunicação do Seu Superior. Há sim, o chefe tem um chefe.

O Superior diz ao chefe que ele agora irá cuidar de outra missão.

-Você se saiu bem com este pessoal e agora vai liderar  uma equipe maior. Mas você não poderá agir mais como chefe, terá que conduzir a todos para que haja o consenso e que todos cresçam e trabalhem em equipe.

E lá se foi o nosso candidato a líder.  Ele começou tentando impor sua opinião ao grupo e teve sérios problemas e discussões, mas aos poucos foi aprendendo a lidar com a situação, a ouvir mais, valorizar as pessoas, ser cordial, simples, educado atencioso e até generoso.

O Líder fez um bom trabalho e ao final foi então chamado a presença do seu Superior. 

-Você fez um bom trabalho, tenho agora outra missão para você.

Percebo um ar mais delicado e sensível, Não tem mais aquele jeitão arrogante e superior de tratar as pessoas. Muito bom, pois você vai precisar de muita sensibilidade para este novo trabalho...

Você irá construir uma nova Ponte sobre as aguas para criar um novo caminho para nosso pessoal, e ao mesmo tempo treinar alguns lideres que lhe acompanharão neste trabalho.

É um trabalho muito delicado, que requer muita sensibilidade e firmeza. Você irá na frente criando as estruturas a medida que avança na construção da ponte.

O Lider demonstra preocupação com os planos do projeto que ele irá realizar, e pensa também em chamar seus antigos auxiliares.

O Superior lhe diz : Não meu amigo, agora você deverá realizar este trabalho sozinho. Você já sabe como age um sensível, um criativo e um pratico e não precisa mais deles. Não se preocupe, eu estarei sempre em contato com você lhe passando as instruções a medida que você avança. Precisa confiar em mim e seguir fielmente minhas orientações, manter o equilíbrio para que tudo fique bem.
E assim, a medida que projeto avança o nosso Líder, orientado pelo superior, vai se transformando em um mestre operário que constrói uma nova ponte enquanto ensina novos lideres que seguem seus passos.

Por fim, quando o projeto está concluído, o Superior se apresenta ao Mestre e o parabeniza pelo belo trabalho. A ponte está criada um novo caminho foi aberto para que muitos possam seguir por ele.

O Superior então diz  ao Mestre.

Meu filho, posso lhe chamar assim ?

Você fez um bom trabalho. Vejo que a sensibilidade, a Criatividade e a Firmeza aderiram definitivamente em sua Alma.

Chegou a hora de Ausentar do Trabalho direto.

Eu vou me aposentar ?


Muito pelo contrario, tem muito trabalho para realizar. Mas você agora irá ocupar meu lugar na Companhia. Será o Servidor para os Lideres, será sua voz, seu Conselheiro, Seu instrutor e Sua inspiração. Eles serão seus braços e seu corpo e tu serás aquele os orientará nos momentos de dificuldades, pois podes agora vislumbrar toda a dimensão de nossa empresa. Sabes que nossa companhia está em todo o Planeta e existem muitas outras divisões que eu tenho que cuidar. Mas fique tranquilo porque eu sempre estarei contato contigo e podes me chamar sempre que precisar.

domingo, 19 de julho de 2015

Sera que sou um bom negocio?

Minha vida é o fruto de um grande investimento, e quem investe espera um retorno. Não se pode pensar que um investimento possa consumir recursos sem trazer algum resultado.

Provavelmente em meus momentos de reflexão e arrependimento alguém apostou em mim e deu credito, alguém, ou muitos daqueles que me amam intercederam por mim e fizeram um investimento de coragem, confiança e fé, e se tornaram com isso meus tutores perante o universo e os Mestres da Sabedoria e Hierarquia.

Não importa se minha crença me leva a ver estes Mentores  como anjos, amigos, familiares, mestres, ou mesmo se acredito que seja a intervenção direta do próprio mestre Jesus.

Minha vida é fruto de um credito de inteligência, energia, amor e poder que recebi na medida certa que preciso para realizar minha experiência. Devo usar este credito para expandir minha compreensão, amor, inteligência e capacidade de lidar comigo mesmo e com o mundo que me cerca.  

Recebi no meu nome toda carga de experiências e expectativas dos meus antecessores que são meus arquétipos mais próximos e que me inspiram naquilo que fizeram ou deixaram de fazer, nos erros e acertos, nas decisões sábias e mesmo nas omissões.

Tudo isso que recebi tenho a missão de purificar e melhorar, pois muitos deles esperam receber o bastão de volta carregado de novas energias, por isso sou também portador de suas esperanças e expectativas.

Devo me tornar também seus arquétipos inspiradores e  lhes devolver o bastão carregado com maior carga de amor, sabedoria energia e poder para que o jogo da vida continue avançando e assim eu faça minha parte para melhorar a humanidade, melhorando a mim mesmo e minha própria arvore.

Sou um galho desta videira, que espera que meus ramos deem boas sementes e se transformem em frutos saborosos onde todos os demais poderão se deliciar e sentir a beleza e a grandeza da vida,  um galho de uma arvore, desta imensa floresta chamada Universo, composta de seres que buscam na experiência da vida expressar toda grandeza, beleza e amor do grande Pai e Mãe do Universo.

Se meu Espirito está cheio de fé, se minha mente está repleta de compreensão e meu coração inundado de amor, então, não exite um banco onde eu possa depositar estes valores, e para que eles se multipliquem preciso investir sabiamente nas pessoas.

Quando minha felicidade depender inteiramente da felicidade dos outros, quando minha alegria e prazer vier das realizações e do progresso daqueles a quem sirvo, então quem sabe, eu também serei como uma videira.

Mensagem do Grupo,



domingo, 5 de julho de 2015

Seminário de Inverno

Seminário de Inverno  04/07/2015


Participantes:

Gilberto, Flora, Adriana Alves , Evane Medeiros, Helenildes, João Sérgio P. Silva, Josias Souza, Lisana Ratti, Márcia Côrtes,Marcelino, Michele Cruz, Rita de Cássia, Silvia Fittipaldi.

Meus queridos seminaristas:

Desejo agradecer a brilhante e entusiasmada participação de todos que participaram do nosso Seminário de Inverno, neste 4 de julho de 2015. 

O nível de consciência que se fez presente foi admirável, o que ficou demonstrado nos comentários e nas decisões que foram encaminhadas, para serem implementadas no futuro.
O tempo voou, como só acontece quando tratamos de temas atraentes e sedutores, e na companhia de pessoas amigas, lúcidas, intelectuais e intuitivas.

Espero poder contar com todos nos próximos Seminários, sempre debatendo temas de interesse coletivo, com base na Numerologia da Alma.

Dentro em breve, farei uma sugestão concreta, a respeito da proposta debatida, e abraçada pelo grupo, de darmos um sentido prático à nossa consciência espiritual de integração, amor e justiça.

Aguardem, também, as postagens no Alma Mater, tratando dos temas que ficaram pendentes no Seminário.

Voltem sempre, e serão recebidos de braços abertos, por mim e por minha querida chef, Flora.
Até o próximo Seminário: Adriana, Evane, Helenildes, João Sérgio, Lisana, Marcelino, Márcia, Michele, Rita e Sílvia.

Agradeço, por fim, à presença do Josias, integrado ao ambiente e representando com muita dignidade ao Convention & Visitors Bureau de São Lourenço.
São Lourenço, 5 de julho de 2015.
Abraços.

Gilberto.
FOTOS DO EVENTO