Saude


Olá amigos.
Recebi este mapa sobre A Dor e as Emoções  e achei interessante compartilhar com vocês, já que nossas aulas estão falando sobre doenças dos corpos físico, mental e espiritual.

Abraços,
Lisana




8 CUIDADOS ESSENCIAIS PARA O INVERNO

Dica enviada por Lisana Ratti
extraido do Blog do Prof. Fernando Braga


Quando analisamos a natureza, rapidamente percebemos que o inverno é uma estação bastante atípica.  Principalmente em relação ao ritmo. Diferente das demais estações (onde movimentar é um imperativo, ou seja, muita atividade e muita produtividade,  quer seja entre os animais, na própria natureza ou ainda nos seres humanos), o inverno é um convite ao repouso. Este repouso, esta hibernação é muito evidente entre diversas espécies de animais e plantas. Afinal quem irá desafiar o repouso determinado pela própria Natureza e ousar subir a correnteza! O animal sabe que a comida será escassa e improvável e a planta sabe que brotar agora seria suicídio, pois suas folhas não resistiriam às investidas do Frio e da Secura, e fatalmente pereceriam!

Então, a duras penas (em milhões de anos de evolução), estes seres aprenderam a hibernar! Aprenderam então a respeitar os fluxos da Natureza! Perceberam que a teimosia não daria bons frutos e decidiram por se Aquietar nesta toda poderosa estação! Até que ela começasse a se despedir, apresentando os primeiros ensaios do Calor da Primavera!

No livro “Clássico de Medicina do Imperador Amarelo” compilado na China por volta de 700 a.C, podemos ler um breve relato do comportamento ideal para o Inverno:


Eu comecei a observar melhor estes fluxos térmicos sazonais (a influência do Frio (Yin) e do Calor (Yang)) quando comecei meu trabalho com Acupuntura e Fitoterapia no final de 1999; ficou claro para mim como os dias Frios reduziam o ritmo de tudo: desencorajava os pacientes a irem às sessões de acupuntura, reduzia o movimento dos bares da região; aumentava os casos de dor, aumentava os casos de depressão; enfim, ficou claro como o Frio é Impiedoso! E em todos estes anos de trabalho e de observação da Influência do Frio no comportamento das pessoas, ficou muito claro para mim que o Senhor Frio nunca deve ser menosprezado, nunca deve ser negligenciado!

Por isso, listei aqui 8 cuidados que você deve ter dentro do Inverno (esteja fazendo Frio ou não) se quiser preservar sua saúde para a próxima estação e para o resto do ano! São eles:

CUIDADO  1 – EVITE ALAVANCAR PROJETOS NO INVERNO: 

Nesta estação estamos com os Rins mais fracos naturalmente (e para a medicina tradicional chinesa, este órgão é a Base da Vida, Centro do Poder, da Coragem). E é nesta estação que ele fica vulnerável e precisa de maior atenção para não esgotar sua Energia. Ao iniciar um negócio novo, abrir uma empresa, terminar um relacionamento, você gastará muito mais energia nesta estação do que na seguinte (Primavera)! Melhor deixar tudo como está, e administrar a vida até a chegada da próxima estação! Só movimente as peças da vida  impossíveis de ficarem paradas neste momento!

CUIDADO 2 – PROCURE DORMIR 5 EM 7: 

Procure dormir mais cedo, pelo menos 5 dias por semana. De forma profunda. E tente acordar um pouco mais tarde. Quanto mais horas dormindo, mais você retém Energia para gastar no próximo dia e na Estação seguinte (Primavera);

CUIDADO 3 – PROTEJA-SE DA QUEDA BRUSCA DE TEMPERATURA PELA 

MADRUGADA: Proteja-se dos Ventos-Frios que entram pelas gretas das janelas e das portas. Eles poderão causar um enfraquecimento ainda maior da sua Energia Yang (Calor), resultado numa diminuição da vitalidade no dia seguinte, podendo te levar a momentos de desânimo e depressão. Lembre-se de ARMAZENAR Energia!

Veja a citação abaixo do livro “Clássico de Medicina do Imperador Amarelo”:


CUIDADO 4 – NÃO GASTE AINDA MAIS ENERGIA COM SEU METABOLISMO: 

Procure comer tudo mais cozido e tudo mais refogado. Assim você poupa seu organismo de esforços metabólicos mais intensos, fazendo sobrar mais Energia Vital (oriunda dos Rins) para as demais atividades. Evite as saladas cruas, os sucos e o leite matinais gelados;

CUIDADO 5 – CUIDADO COM O LEITE E COM OS EXCESSOS ALIMENTARES: 

O Inverno é uma estação de estocagem. Tudo aquilo que você comer e que vier a intoxicar seu organismo, muitas vezes não será expurgado agora. Mas sim na estação seguinte (Primavera). Todos os anos, em meu consultório, recebo pessoas com conjuntivites, otites, sinusites, candídíases, foliculites, acnes graves (e vários outros problemas de pele), oriundos do que podemos chamar de “sangue sujo”. E geralmente esta sujeira no sangue se acumula mais durante o inverno, onde a maioria das pessoas comem além da conta. E explodem na Primavera, gerando muitas doenças que a maioria das pessoas nem sequer imaginam que foram contraídas pela alimentação durante a estação anterior!

CUIDADO 6 – PROCURE AQUECIMENTO DE DENTRO PRA FORA: 

A maioria das pessoas vestem agasalhos de Frio neste período para aquecerem o corpo físico. Mas se esquecem de Aquecer o Sistema Orgânico Interno. Tome Chás de Natureza Amornante como Canela, Erva Doce, Gengibre, Cravo. Sempre respeitando sua temperatura interna. Se você já é muito calorento (Yang) , evite!


CUIDADO 7 – FAÇA EXERCÍCIOS COM CAUTELA: 

Procure exercitar o corpo sem exageros, num ritmo mais suave do que nas estações anteriores. Lembre-se: preservar sua Energia Vital Sempre para não Experimentar Fraquezas na Estação Seguinte (Primavera).
CUIDADO 8 – OFEREÇA ACONCHEGO: O inverno é a estação do Aconchego por excelência! Procure abraçar mais as pessoas, doe carinho, ofereça Proteção, doe Calor Humano. Este movimento afetuoso e caloroso faz você Circular Melhor seu Sangue e Sua Energia, evitando as Estagnações.  E fará seu organismo entrar na Primavera mais Feliz!

Lembre-se da citação abaixo do Livro “Clássico de Medicina do Imperador Amarelo”:





Meus queridos amigos:

Acredito que esses conceitos se aproximam muito, quando não são exatamente iguais, aos expostos no livro Imagens que Curam.

As diferenças ficam por conta de interpretações, mas creio que a fonte seja a mesma.
Na minha opinião, não faltam informações para a cura de doenças, e sim  a perseverança para seguir as instruções.

Quem, ao ler a origem psico-emocional de sua doença, vai procurar mudar seus hábitos em busca da cura?

Tivemos até agora ao nosso dispor os livros Imagens que Curam e Medicina Psico-espiritual, que tratam do mesmo tema, e será que conseguimos pôr em prática as técnicas ensinadas e eliminar as causas apontadas?

Acho que essas informações ficariam muito bem colocadas no APRENDIZES NO CAMINHO, mas não no Movimento Solidário.

Desta forma, todos os aprendizes, de todos os Níveis, poderiam, conforme seus interesses, fazer suas consultas, sempre que julgassem necessário.
O que acham?
Abraços.
Gilberto.


Nenhum comentário:

Postar um comentário